×

REGIÕES

Curitibanos Frei Rogério Ponte Alta do Norte São Cristovão do Sul São João Batista

NOTÍCIAS

Esporte Fique Ligado Segurança Santa Catarina Brasil
Curitibanos

Você sabia que o Brasil é o país nº 1 em violência contra professores?

A Unicesumar lançou, no dia 21 de setembro, uma ação de conscientização, mobilização e legislação para o combate à violência contra professores e todos os agentes de educação. Observando os altos índices de agressão a professores nas escolas, que crescem a cada ano, a instituição criou um Projeto de Lei (PL) que prevê estabelecer uma política pública para analisar a violência nas escolas como um fenômeno social.

Esse PL é estruturado como um plano nacional e com possibilidade de desdobramento a nível estadual e municipal, sugerindo o desenvolvimento de um órgão que auxilie os agentes da educação em situações de violência e que possa, ainda, restaurar todos os envolvidos na agressão: os que sofreram, os que exerceram e os que presenciaram.

Porém, para tornar esse projeto real, precisamos coletar 1,5 milhão de assinaturas digitais até o dia 15 de outubro – Dia do Professor. É nesta data que iremos entregar o projeto à Câmara dos Deputados, em Brasília.

SOBRE O PROJETO DE LEI
O Projeto de Lei de prevenção e combate à violência escolar, tem como objetivo fazer da escola um ambiente de paz e segurança. O Projeto é um plano nacional, ou seja, uma política pública ampla, que já está ancorada nas leis educacionais brasileiras e inicia um novo marco regulatório para a causa social.

Entre as ações propostas no PL estão medidas preventivas e cautelares em situações de risco de violência, mas também ações preventivas, que capacitem os educadores para perceber os sinais da violência, mas que também desenvolvam a inteligência emocional dos alunos.

*Unicesumar. 

Grazielle Delfino

Comentários

Carregando do Facebook...
Vídeos da Semana

Vacinação contra a Covid-19 de crianças de 5 a 11 anos com deficiência ou comorbidades

18/01/2022

Com aumento de casos de Covid-19, prefeitura reorganiza atendimentos

06/01/2022

Últimas Notícias