×

REGIÕES

Curitibanos Frei Rogério Ponte Alta do Norte São Cristovão do Sul São João Batista

NOTÍCIAS

Expocentro Esporte Fique Ligado Segurança Santa Catarina Brasil
Dirigindo no Via

Trabalha com o carro da empresa? Responsabilidade maior

Usar algo que não nos pertence requer cuidado e zelo mais ainda que com um bem que é de nossa propriedade.

Bens de valor significativo como um veículo, merecem uma atenção maior ainda, não só pelo valor monetário, mas também pela integridade, bom funcionamento e conservação do mesmo. Dirigir um carro com o nome da empresa é também uma forma de publicidade, seja qual for o ramo ou segmento da mesma.

Um bom exemplo é quem trabalha com o veículo da empresa, como funcionário, parte do princípio do zelo e cuidado com os bens e equipamentos fornecidos para realizar a atividade que lhe foi designada.

Um veículo de trabalho bem cuidado, não causa transtornos, como atraso ou cancelamento de uma visita, viagem ou entrega. Isso reflete positivamente na empresa e todos ganham. Quando a empresa vai bem, sem despesas emergenciais, reflete até o funcionário, algumas transportadoras por exemplo bonificam o motorista que zela pelo caminhão que conduz.

Empresas que possuem frota dispõe de um colaborado encarregado de cuidar dos veículos. Se não for caso é ideal estabelecer uma rotina de prevenção, tipo do primeiro ao último dia do mês, o próprio condutor organizar um chek-list, itens que possam ser examinados de maneira simples, com algum conhecimento de quem utiliza o veículo, sem que precise deslocar o mesmo á oficina. Alguns itens que podem ser verificados pelo condutor:

Iluminação – verificar funcionamento de faróis, baixo e alto, lanternas, piscas, luz de freio e de ré.

Pneus - Além da calibragem semanal, exige um prazo mais curto do que a quinzena que calibramos os nossos carros, por se tratar de veiculo de serviço, verificar o estado de conservação, se á algum corte, por exemplo, além é claro do nível de desgaste dos mesmos.
Troca de óleo – Obedecer a data ou quilometragem expressa na etiqueta de controle de troca de óleo no para brisa, ou as informações contidas no manual do veiculo. Importante também verificar os filtros, lubrificante, de combustível, de ar, de cabine, etc.

Direção e suspensão – São itens de segurança, que garantem a estabilidade e também a segurança do veiculo. Vibração no volante, ruídos e solavancos ao rodar por pisos irregulares denunciam defeitos ou avarias nesses sistemas. Os freios também merecem atenção, pastilhas, lonas desgastadas causam ruídos, também observar irregularidades ao acionar o mesmo, esta observação vale também para o freio de estacionamento (de mão)

No mais, cuidar da conservação em geral do veiculo, a parte estética, o interior do veículo, limpeza, lubrificação, etc. Geralmente empresas tem planos de seguro para seus veículos, a fim de garantir suporte em caso de acidente ou roubo, aos ocupantes e ao veículo.

Trabalhar com o automóvel da empresa demonstra capacidade, algo conquistado com responsabilidade e o mesmo em boas condições de conservação e aparência, demonstra harmonia entre a organização e seu colaborador, lembrando que, manutenção preventiva custa menos que a corretiva, e não causa transtornos nem prejuízos.

Comentários

Carregando do Facebook...
Vídeos da Semana

Informativo municipal - Edição 08

29/06/2022

Informativo municipal - Edição 07

22/06/2022

Últimas Notícias