terça, 22 de outubro de 2019

Notícia

No evento foram homenageadas pessoas e entidades de destaque na cidade. Foto: Alessandro Bonassoli.

Sessão Solene da Alesc marca os 150 anos de Curitibanos

Os 150 anos de emancipação política e administrativa de Curitibanos foram comemorados na noite da última sexta-feira (14) durante uma sessão solene que a Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina realizou na Câmara dos Vereadores do município. Cerca de 200 pessoas lotaram o auditório para acompanhar também a homenagem para pessoas e entidades de destaque na cidade que foi palco da Guerra do Contestado e da Revolução Farroupilha e atualmente vive uma fase de crescimento econômico e educacional.

Proponente da sessão solene, o deputado Nilso Berlanda (PL), destacou sua alegria pessoal em ser o representante da cidade no Parlamento estadual. “É muito importante para o município voltar a ter espaço na Assembleia Legislativa. Eu sou natural da cidade de Chapecó, onde trabalhava no Banco do Estado e fui transferido há 35 anos para cá. Vim para ficar alguns meses, talvez um ano. Mas acabei adotando essa cidade como a minha cidade”, comentou.

Entre os homenageados estavam cinco ex-prefeitos que estão vivos e quatro já falecidos. Além deles, o evento destacou o trabalho realizado pelas duas universidades instaladas na cidade, UFSC e UnC, além de entidades de classe e da sociedade civil organizada. “Não podemos deixar de registrar os esforços de quem ajudou a fazer a história de Curitibanos e os que atualmente continuam o trabalho para o nosso desenvolvimento”, comentou Berlanda.

O deputado Maurício Eskudlark (PL), que durante sua vida profissional chegou a trabalhar no município da Serra catarinense, compareceu à sessão para representar o presidente da Alesc, Julio Garcia (PSD), e os demais deputados estaduais. “Essa homenagem é muito importante pelo que Curitibanos representa para a história e para a economia de Santa Catarina”, argumentou.

Atual prefeito, José Antonio Guidi, o Dudão, fez questão de agradecer a presença da Assembleia no evento, que foi transmitido ao vivo pela TVAL e pela internet. “Estamos vivendo uma data histórica, importante, que marca o processo de evolução durante esses 150 anos. Hoje nós temos uma agricultura forte, uma indústria madeireira ainda mais forte e temos um polo educacional com a presença de duas universidades”, citou.

Em seu discurso, o chefe do executivo municipal lembrou dos tropeiros que, em 1733, começaram o processo de formação da cidade, quando se deslocavam de Curitiba (PR) para o Rio Grande do Sul, onde compravam gado que seria posteriormente comercializado no estado de São Paulo. “Estamos dando continuidade à história que aqueles que vieram antes de nós fizeram, completando esse ciclo evolutivo do município. Com certeza, estamos deixando de ser aquela cidade provinciana para ser uma cidade moderna, com vários equipamentos e serviços para a comunidade e muito segura”, disse ele.

Na opinião do deputado Berlanda, o crescimento citado pelo prefeito se explica com o 35º lugar ocupado pela cidade na economia catarinense. “Muitas indústrias têm se instalado aqui. E, além disso, temos um campus da Universidade Federal de Santa Catarina há cinco anos, para o qual estamos tratando dos últimos detalhes para conseguirmos o curso de medicina, além do campus da Universidade do Contestado, de unidades à distância de outras instituições de ensino superior e o Centro de Educação Profissionalizante”, explicou. Com isso, a economia local que foi historicamente formada pela agropecuária, foi incrementada com a transformação do município em um polo educacional na região serrana, atraindo estudantes catarinenses e de todas as regiões do Brasil.

Dados do IBGE mostram que a população local tem aumentado com essa transformação econômica. No Censo de 2017 eram 37.748 pessoas, número que subiu em 2018 para 39.595. Marcelo Antonio Pasolini, superintendente da Fundação Hospitalar de Curitibanos Hospital Hélio dos Anjos Ortiz, que discursou em nome dos homenageados, avaliou que isso é um desafio para o setor da saúde. “O município é pujante e ao longo dos anos vem crescendo de maneira significativa. A gente percebe que nossa responsabilidade em gerir a saúde aqui é cada vez maior”, afirmou. A instalação do curso de medicina no campus da UFSC, na opinião dele, será “mais um passo para o desenvolvimento da região e para a melhoria no sistema de saúde.”

Homenageados

Prefeitura de Curitibanos;
Câmara de Vereadores de Curitibanos;
Ex-Prefeitos: Wanderley Teodoro Agostini, Marilúcia da Silva Costa, Ulysses Gaboardi Filho, Armando Costa e Onofre Santo Agostini;
Ex-prefeitos (in memoriam) Generino Fontana, Hélio Anjos Ortiz, Wilmar Ortigari e Lauro Antônio Costa;
Associação Empresarial de Curitibanos (Acic);
Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL);
Sindicato da Indústria Florestal de Curitibanos (Sifc);
Sindicato Rural;
Universidade do Contestado (UnC);
Universidade Federal De Santa Catarina (UFSC);
Hospital Hélio Anjos Ortiz;
Associação Beneficente Frei Rogério (Asilo);
Jornal A Semana;
Rádios Coroado e Movimento;
Loja Maçônica Estrela do Planalto N° 14;
Rotary Clube Curitibanos;
Lions Clube Curitibanos Centro;
Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae);
EEB Santa Teresinha;
ONG Herdeiros Do Futuro;
Associação de Pais e Amigos dos Deficientes; Auditivos de Curitibanos (Apadac);
Casa de Recuperação Água da Vida (Cravi);
Rede Feminina de Combate ao Câncer
Associação de Proteção Animal Patinhas do Bem;
Ordem dos Advogados do Brasil (OAB);
EEB Casimiro de Abreu;
EEB Professor Antônio Francisco de Campos;
União das Associações de Bairros (UAB);
Associação Cultural Tânia Maria Gava Gaboardi (ATG).

**Assessoria de Comunicação - Alesc.