×

REGIÕES

Curitibanos Frei Rogério Ponte Alta do Norte São Cristovão do Sul São João Batista

NOTÍCIAS

Esporte Fique Ligado Segurança Santa Catarina Brasil
Economizando

O mercado formal começa a reagir

Fiquei feliz e empolgado ao ver os índices do CAGED (Cadastro Geral de empregados e desempregados) do ministério da Economia onde apresenta dois meses positivo em Santa Catarina e também na região de Curitibanos. Claro ainda não suficiente para compensar os prejuízos ocasionados no emprego em abril e meados de maio passado. O mês de abril foi muito negro em todos os indicadores.

O que estamos vendo com a reação do emprego formal?

Alguns comentários podemos fazer analisando esse termômetro da economia.

- Estamos acostumando com o novo normal, o que era estranho a 3 ou 4 meses atrás hoje faz parte do cotidiano;

 - Que aprendemos facilmente trabalhar com entrega em casa e aprendemos a pedir e fazer nossas compras de casa e nos entregam;

- Supermercados, farmácia, padaria entre outros serviços e claro que não posso deixar de comentar sobre a cerveja e chopp todos entregam em casa;

- As empresas de tecnologia e informática estão rindo à toa com a pandemia e esse bichinho estranho chamado Covid-19 despertou em nós coisas que não sabíamos que tínhamos conhecimento e um deles foi a tecnologia, hoje algo comum em nosso meio;

- Os empregos voltando e as empresas recuperando suas vendas e seus números de vendas o gráfico está ascendente;

 - Aprendemos a economizar. Quantas viagens que poderíamos resolver via WEB, mas ainda nos deslocamos, agora aprendemos que se resolve também sem um deslocamento. Prova maior a JBS vendeu mais que a Petrobrás nos últimos meses.

Mas claro que nem tudo é alegria. Me preocupo muito com a educação e com a cabeça desse pessoal envolvido. O professor se reinventou totalmente e não tem mais tempo nem para uma refeição sossegada ou um bom banho tranquilo. Os pais com dificuldades de repassar o conhecimento e ajudar seus filhos a fazerem suas atividades. Os alunos muitos deles ainda não estão entendendo o que significa ficar em casa e estudar, eles querem o relacionamento social, querem brincar e rever amigos. Para todas as pessoas o nome do vírus é “Covid-19” mas me parece que na educação se chama “live” fala-se esse nome e arrepia os cabelos de alunos, professores e pais.

ECONOMIZANDO, o novo normal não é tão normal ainda e temos muito o que aprender e evoluir nos próximos meses que temos pela frente. O Ano de 2020 já ocupou seu lugar na história como o ano da mudança de conceitos, de tabus, de novas estratégias e o ano que todos soubemos o que é se relacionar com uma pandemia. Que continuemos em crescimento sempre e aprendendo sempre.

Comentários

Carregando do Facebook...
Vídeos da Semana

Vacinação contra a Covid-19 de crianças de 5 a 11 anos com deficiência ou comorbidades

18/01/2022

Com aumento de casos de Covid-19, prefeitura reorganiza atendimentos

06/01/2022

Últimas Notícias